Acaba de sair, nesta sexta-feira (19), o esperado álbum “The King & I” (O Rei e Eu, em tradução livre), que estava sendo produzindo há alguns anos.

O projeto chega 20 anos após a morte do lendário MC, com 25 faixas que vão abençoar seus dias em meio ao caos atual. A energia do álbum é incrível, os vocais são suaves e doces, Faith Evans fez um trabalho de qualidade inquestionável, a sintonia com seu marido BIG é perceptível e a escolha das batidas soam muito bem. Nos interlúdios, quem relembra momentos saudosos de Faith Evans e Notorious B.I.G. é ninguém menos que Voletta Wallace, mãe de Biggie, que já demostra que tá tudo em casa.

Capa

O álbum dá nova vida a versos clássicos de Notorious e até estreia alguns novos. Entre as participações, tem Lil Kim, The L.O.X., Lil Cease, Snoop Dogg e Busta Rhymes — os dois últimos roubaram a cena.

Em uma entrevista no podcast de Damon Dash [co-fundador da Roc-A-Fella Records], Evans disse que ela e Biggie teriam gravado um álbum em dueto se ele não tivesse sido assassinado em 1997. “Hoje, se ele estivesse vivo, eu sei, no final, teríamos feito algo assim“, disse Evans. “Mas a maneira como as coisas se juntaram, e a maneira como eu estou usando seus vocais, está dando a essas coisas uma nova vida. É totalmente diferente”.

The King & I” foi lançado por Rhino Ent. e está sendo distribuido pela Warner Music. Você pode ouvir nas principais plataformas de streaming — confira no Spotify:

MAIS HISTÓRIAS

Núcleo de jornalismo e conteúdo do RND. Sob a direção de Anderson Morais.